Você está aqui: Página Inicial Notícias IFMG - Campus Ouro Preto expõe desenhos de Duilo Bretas

IFMG - Campus Ouro Preto expõe desenhos de Duilo Bretas

por Tatiana Toledo Ferreira última modificação 10/07/2017 09:42
Exposição integra programação do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana

copy_of_LuizLopes.JPGA Galeria de Arte Ney Cokda do IFMG – Campus Ouro Preto expõe, de 11 de julho a 14 de agosto, desenhos de Duilo Bretas. A exposição, com curadoria de Haroldo de Paiva Pereira, integra a programação do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana 2017.

Natural de Cachoeira do Campo, distrito ouro-pretano, Duilo começou a aprender a esculpir aos 13 anos, na década de 1960, inspirado pelos trabalhos de seus irmãos Libório e Vicente Bretas. Juntos com o irmão Heli, passaram a ser conhecidos como os “irmão Bretas”, tornando-se referência na arte de pedra-sabão.

Duilo dedica-se, também, à composição de músicas. “Se me vem uma inspiração para uma letra, preciso largar tudo e trabalhar só nela. Costumo acordar às três da manhã para compor, se a ideia vem de um sonho”, conta.

Artista de múltiplos talentos, passou a explorar mais uma de suas habilidades, o desenho, após uma temporada vivendo em Embu das Artes (SP). “Não tinha o hábito de desenhar antes de fazer uma escultura. Creio que seja um dom imaginar o que a pedra oferece e praticamente enxergar nela a figura. Em São Paulo, conheci muitos artistas que faziam primeiro o desenho, depois iam para a massa, e só depois esculpiam”, relembra.

Ao retornar para Minas, começou a desenhar para fazer algumas peças, mas não se ateve a isso, já que “tomou gosto pela coisa”, como ele mesmo diz. Despretensiosamente, começou a esboçar figuras compostas de poucos traços. Com o tempo, a simplicidade dos primeiros riscos deram espaço a temas análogos aos retratados em seu trabalho em pedra-sabão. Apaixonado pela natureza e pelos animais, decidiu expressar sua admiração por paisagens e espécies, assim como pela figura pela qual tem predileção, o índio, para incentivar a preservação ambiental. “Costumo enfatizar em meus desenhos a grande produção de lixo e a falta de cuidado do ser humano com os recursos naturais. Acho que vai faltar espaço para ele no globo. Ele precisa se conscientizar de que é para usar o que a natureza oferece, não destruir”.

Exposição

A abertura da exposição “Desenhos”, de Duilo Bretas, será realizada no dia 11 de julho, terça-feira, às 19 horas. A Galeria de Arte Ney Cokda do IFMG está localizada na rua Pandiá Calógeras, 898, Bauxita, em Ouro Preto. A visitação segue até 14 de agosto, das 9h às 21h.

 

LuizLopes3.jpg

SERVIÇO

Exposição: “Desenhos”, de Duilo Bretas

Abertura: 11/07, às 19 horas

Visitação: de 11 de julho a 14 de agosto, de segunda a sexta-feira, das 9h às 21h

Curadoria: Haroldo de Paiva Pereira

Local: Galeria de Arte Ney Cokda do IFMG – Campus Ouro Preto

Rua Pandiá Calógeras, 898, Bauxita - Ouro Preto

 

 

Ações do documento