Você está aqui: Página Inicial Notícias Argelinos recebem treinamento em joalheria no Campus Ouro Preto

Argelinos recebem treinamento em joalheria no Campus Ouro Preto

por Tatiana Toledo Ferreira última modificação 11/08/2017 09:42
Instituição apoia acordo de cooperação técnica entre Brasil e Argélia para produção de joias artesanais no país africano. Programação também inclui palestra sobre cooperativismo, aberta a toda a comunidade.

O IFMG – Campus Ouro Preto receberá, nas próximas semanas, uma delegação da Argélia, que dará andamento ao “Projeto de transferência de conhecimento para produção de gemas lapidadas, joias e artesanato mineral”. Trata-se da etapa brasileira do acordo de cooperação técnica firmado entre a Associação Brasileira dos Pequenos e Médios Produtores de Gemas, Joias e Similares, Mineradores e Garimpeiros (ABRAGEM), a Agência Brasileira de Cooperação (ABC) e a Agência Nacional do Artesanato Tradicional da Argélia (ANART).

O acordo tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento socioeconômico da Argélia, por meio da implantação de uma escola-piloto de lapidação de gemas e de treinamento em técnicas de produção de joias artesanais e também de uma cooperativa em Tamanrasset, no deserto do Saara. A escolha desta cidade para sediar a escola-piloto deve-se à sua localização, no sul argelino, região rica em pedra e outros recursos minerais, e que tem no artesanato uma importante atividade geradora de renda para a população local.

Alunos do projeto, que estão sendo capacitados para atuar como multiplicadores, em Tamanrasset, das técnicas aprendidas, participarão, no Brasil, de dez dias de treinamentos e três dias de visitas técnicas a sítios mineralógicos. O treinamento será realizado nas instalações do IFMG – Campus Ouro Preto.

De acordo com o coordenador da Área de Joalheria do Campus, professor Benedito Devêza, ficará à disposição da equipe toda a estrutura de laboratórios para que sejam realizadas atividades de ourivesaria, mineralogia, gemologia, lapidação, artesanato mineral, modelagem em cera e fundição em cera perdida.

Palestra sobre cooperativismo aberta à comunidade

Após a abertura oficial da missão argelina no Campus no dia 14 de agosto, próxima segunda-feira, será oferecida uma palestra sobre cooperativismo,  às 15 horas, no Auditório Central do Campus, aberta a alunos, servidores e toda a comunidade ouro-pretana.

Segundo Benedito Devêza, de forma a contribuir para o desenvolvimento dos arranjos produtivos locais, a atividade tem como foco especial o público da economia solidária, das associações e cooperativas de artesanato e da produção familiar do município e região.

A palestra será proferida pelo economista e consultor da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão e do Mercosul, Evandro Scheid Ninaut.

Ações do documento