Você está aqui: Página Inicial destaque2 Curso de Gastronomia obtém nota máxima no Enade

Curso de Gastronomia obtém nota máxima no Enade

por Tatiana Toledo Ferreira última modificação 22/03/2017 14:20
Apenas cinco cursos da área, em todo o país, obtiveram conceito 5

O curso de tecnologia em Gastronomia do IFMG - Campus Ouro Preto obteve nota máxima no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), um dos indicadores de qualidade da educação superior do Ministério da Educação (MEC). Apenas cinco cursos nesta mesma área, em todo o país, alcançaram o conceito 5.

O exame foi aplicado, em 2015, aos alunos concluintes da primeira turma do curso. “Foi a primeira vez que participamos dessa avaliação do MEC. O resultado demonstra que o trabalho vem sendo construído, desde o início, de forma sólida, o que é importante para o crescimento e para a continuidade da educação de excelência ofertada pela Instituição”, explica a professora Luanda Batista, que atua no curso desde a sua criação.

O curso de Gastronomia tem sido o mais concorrido entre os ofertados pelo Campus e tem entrada anual. “A relação candidato por vaga deve aumentar após o alcance do conceito 5 no Enade. Já para os alunos que já fazem o curso, o resultado da avaliação é a certeza de que o ensino que eles recebem é de qualidade e lhes dão ânimo para se dedicar e contribuir, cada vez mais, para o desenvolvimento do curso”, explica a professora .

Luanda conta, ainda, que o projeto pedagógico foi muito elogiado pela comissão avaliadora do MEC, o que para ela é um dos grandes responsáveis pela conquista dos alunos no Enade. “O nosso projeto não está apenas no papel, os professores fazem questão de segui-lo da forma com que ele foi pensado. Ele foi elaborado pelos primeiros docentes do curso e segue um cunho de inovação, interdisciplinaridade e fomento às pesquisas. A proposta de fazer o aluno pensar e construir um pensamento crítico é muito forte, no projeto e no dia a dia”.

Enade

O Conceito Enade é um indicador de qualidade calculado a partir dos desempenhos dos estudantes concluintes dos cursos de graduação no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes. O indicador é resultante da média ponderada da nota padronizada dos concluintes na prova de Formação Geral (10 questões, sendo 8 objetivas e duas discursivas, comum para todas as áreas avaliadas) e na Conhecimento Específico (30 questões, sendo 27 objetivas e três discursivas). Em 2015, foram avaliados 8.121 cursos em todo país, com 447.056 participantes.

Ações do documento